Como a atividade física ajuda no combate da doença?

Sabha diz que é preciso dosar o consumo de notícias que possam causar nervosismo em excesso, fazendo mal à saúde.

“É importante saber o que está acontecendo em sua cidade, estado e país, mas tome o cuidado de não se deixar levar pelo pânico que, eventualmente, determinados assuntos podem provocar”, alerta. O doutor em neuroanatomia acrescenta que, em casos mais severos de crises emocionais, é preciso buscar tratamento.

“Questões psicoemocionais também podem ser tratadas por meio de terapias metafísicas e neurolinguísticas, além da psicoterapia, o importante é escolher uma abordagem com a qual a pessoa tenha uma identificação”, finaliza.